XI Tropeada da Integração Nossa Senhora Aparecida passará por 15 propriedades e 5 municípios

terça-feira, 14 de novembro de 2017 às 09:14
Foto: Reprodução/TV Anhanguera

Inicialmente programada para acontecer entre os dias 1º e 12 de outubro, a XI Tropeada da Integração NSA, foi adiada devido aos incêndios de grandes proporções que atingiram várias propriedades rurais na região norte do Tocantins e será realizada entre os dias 25 de novembro e 6 de dezembro. A diretoria do Sindicato Rural de Araguaína e os Organizadores decidiram aguardar até que as condições climáticas permitissem a realização do evento cujo trajeto percorre 15 propriedades entre os municípios de Couto Magalhães e Araguaína.

Segundo Roberto Paulino, presidente do Sindicato Rural de Araguaína, a decisão foi a mais acertada devido ao longo período de estiagem e a ocorrências de grandes incêndios nas áreas rurais: “Não pensamos em nenhum instante em cancelar nossa tradicional tropeada, aguardamos a chegada das chuvas típicas deste período e agora estamos prontos para estes dias de  confraternizações, reencontros de amigos, prosas e alegria”, explica Paulino.

A 11ª edição da Tropeada da Integração Nossa Senhora Aparecida, vai percorrer 270 km, em 11 dias, de 26 de novembro a 6 de dezembro, num trajeto entre as cidades de Couto Magalhães e Araguaína. A concentração é no dia 25, em Couto Magalhães com a saída programada para o dia 26, na Fazenda Juarina, no município de mesmo nome. A partir daí a comitiva percorrerá também fazendas, assentamentos e chácaras nos municípios de Bernardo Sayão, Arapoema e Aragominas até a chegada em Araguaína.

História

As tropeadas fazem um importante resgate histórico da época da exploração do Brasil colonial, num tempo em que as riquezas do País (ouro, cana, café, etc.) eram transportadas no lombo de animais como o burro e o cavalo. Para a história do Tocantins, as comitivas tiveram papel fundamental ao desbravar regiões inóspitas do então norte de Goiás, até a segunda primeira metade do século XX. Os tropeiros, além de conduzir os animais e as cargas, eram também habilidosos comerciantes, o que fazia daqueles homens empreendedores com visão de mercado, destemidos e determinados. A natureza comercial e pacífica das comitivas criava laços de amizades entre seus integrantes e suas rotas e pousos, no norte tocantinense estão, com certeza, na raiz da criação muitos de nossos importantes municípios.

“Resgate histórico” é, portanto, o principal mote ao se falar em Tropeada da Integração NSA. Nossos tropeiros do século XXI são unânimes em destacar aspectos como a tradição, mas sem deixar de lado a paixão pela vida rural, o fortalecimento de laços de amizades que unem famílias há décadas e os ensinamentos para as novas gerações.

Homenagens

Este ano os tropeiros homenageados são os pecuaristas Bill Renato Barsh e Ronan Araújo Filho. No total, serão 11 dias de marcha até os portões do Sindicato Rural de Araguaína no dia 06 de dezembro (veja a relação de pousos, abaixo). Em seguida acontece o tradicional encerramento com a Queima do Alho, no Parque de Exposições Dair José Lourenço.

O Sindicato Rural de Araguaína acompanhará todo o evento e estaremos divulgando em nossas redes sociais.

(CONEXÃO TOCANTINS)

-- Publicidade --

Comentários no Facebook