Estudo: orcas estão atacando tubarões-brancos para comer coração, fígado e testículos

segunda-feira, 21 de setembro de 2020 às 16:07
Orca (imagem meramente ilustrativa) Foto: Reuters

Um estudo conduzido pela bióloga marinha Alison Towner descobriu que por trás da mortes de seis tubarões-brancos na região de Gansbaai (África do Sul) estão as orcas, as únicas predadoras (embora um evento não comum) da espécie.

De acordo com a cientista, as orcas retiraram “cirurgicamente” o coração, o fígado e os testículos dos tubarões-brancos. Elas rasgaram a pele dos tubarões logo abaixo da garganta de uma forma “precisa e refinada” para que os órgãos, ricos em nutrientes, escapassem, relatou a “Newsweek”.

Publicidade

As mortes de tubarões vêm sendo registradas sistematicamente na região desde 2017. Acredita-se que uma dupla de orcas esteja por trás delas.

Os ataques aos tubarões-brancos foram idênticos a ataques semelhantes a sete tubarões-de-sete-guelras na área.

“Logo abaixo da superfície da pele está o lugar perfeito para abrir o tubarão e acessar e extrair o fígado Dois dos animais tiveram o coração removido e um macho teve seus testículos removidos. Porque eles estão muito próximos na cavidade corporal”, explicou a bióloga, apresentando os resultados das demoradas autópsias das carcaças encontradas.

Ela acrescentou:

“É claro que, onde quer que estejam no mundo, elas aprenderam estratégias de caça tão precisas e refinadas e ensinaram aos seus filhotes.”

Um dos principais motivos para o desaparecimento de tubarões-brancos de regiões da África do Sul onde eram comumente avistados, como False Bay, um ponto de atividade turística, é a presença de orcas na área.

(PAGE NOT FOUND)

-- Publicidade --