Secretaria de Meio Ambiente leva palestra ambiental à Feira de Integração Cultural do Tocantins em Ananás

sábado, 30 de novembro de 2019 às 10:27
Engenheira Ambiental Helivânea Borges que falou sobre a necessidade de se conservar e evitar impactos ambientais. – Foto: Divulgação

ANANAS – A Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Recursos Hídricos participou, na quarta-feira (27) da II Feira de Integração Cultural do Tocantins/ II FICTO, levando a convite do Centro de Ensino Médio Cabo Aparício Araújo Paz uma palestra com ênfase em problemas ambientais tais quais: poluição do solo, poluição da água desmatamento e queimadas.

A Secretaria foi representada com a participação da Engenheira Ambiental Helivânea Borges que falou sobre a necessidade de se conservar e evitar impactos ambientais, procurando sempre manter o equilíbrio com a natureza e evitar consequências maiores com os ecossistemas, discutindo esses assuntos com dinâmicas focadas em perguntas, com oferta de brindes, sobre o que foi ministrado na Palestra da profissional, bem como gincanas com perguntas direcionadas aos temas debatidos e a turma que for classificada ganhará uma viagem como ponto de motivação aos alunos.

Publicidade

De acordo com a Engenheira, “a palestra foi primordial para focar no tema poluição da água dos corpos dos mananciais por elementos físicos, químicos e biológicos que podem ser nocivos ou prejudiciais aos organismos, plantas e à atividade humana. É uma questão muito séria, já que a água é essencial para a vida humana. Ela representa cerca de 70% da massa do corpo humano e seu consumo é fundamental para a nossa sobrevivência.”

Relatou sobre o desmatamento como uma das formas mais agressivas de degradação ambiental. Atualmente, com o avanço das fronteiras agrícolas, a degradação ambiental transformou grande parte de nossas florestas em um mosaico de paisagens modificadas. A elevação dos desmatamentos, transformou o Brasil em um dos maiores emissores de poluentes, devido principalmente à queima de áreas de florestas na Amazônia, níveis alarmantes de degradação ambiental. Falou das penalidades previstas e solicitou aos jovens que fiquem de olho aberto ás degradações ambientais do município e pediu que ajude a denunciar e também a conscientizar a população.

Finalizou pedindo atenção e ajuda para que observe as pessoas se conscientizem para não poluírem nossos e mananciais principalmente a fonte de abastecimento de água do nosso município.

Essa ação da realização da II FICTO, se estendeu até a sexta-feira (29), feira do Centro de Ensino Médio Cabo Aparício Araújo Paz é para contemplar o Projeto Político Pedagógico da Escola.

(ASCOM/ Prefeitura Municipal de Ananás)

-- Publicidade --

Comentários no Facebook