No Maio Laranja, SES-TO combate o abuso e violência sexual de crianças e adolescentes

quinta-feira, 2 de maio de 2024 às 07:53
1.000 Visualizações
A Campanha Maio Laranja é uma inciativa que visa dar visibilidade a este assunto. Luciana Barros/Governo do Tocantins

TOCANTINS – Conscientizar a população sobre a importância de proteger as crianças e adolescentes contra todos os tipos de abuso e violência sexual, buscar ajuda e denunciar, é o objetivo da Campanha Maio Laranja, promovida pela Secretaria de Estado da Saúde do Tocantins (SES-TO). A campanha foi instituída na Lei Nº 14.432, de 03 de agosto de 2022 e visa ampliar as atividades do dia 18 de maio, definido como Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

Dados da Gerência de Promoção á Saúde e Agravos não Transmissíveis/SES-TO apontam que o Tocantins registrou, em 2023, 703 notificações de violência sexual em crianças e adolescentes de 0 a 14 anos. Em 2024, os números já foram 156. “É importante acolher a criança e o adolescente, estabelecer uma relação de confiança em que essa criança tenha certeza que será protegida, ensinar sobre o corpo humano, as interações que podem configurar abuso, ensinar que suas partes íntimas são privativas é que ninguém pode tocar, para que possam se proteger ou denunciar o ocorrido. Instruir sobre as formas utilizadas para atrair a criança, como a distribuição de doces e presentes, e é preciso estar sempre em diálogo com a criança e o adolescente a fim de se interessar pelo que se passa na vida dela para que caso essa situação ocorra ela se sinta segura para denunciar esse tipo de situação”, afirmou a psicóloga da Gerência da Rede de Atenção Psicossocial (GRAPS) da SES-TO, Karla Joane Silva.

Publicidade

A responsável pelo Serviço de Atenção Especializada à Criança em Situação de Violência (SAVI), do Hospital Geral de Palmas (HGP), Camila Coelho Bittar, relatou que “o abuso sexual deixa grandes consequências na vida da criança e do adolescente. É preciso estar atento, porque quando acontece, existe a mudança de comportamento, pode ficar diferente emocionalmente, muda o desempenho escolar. Por isso é importante buscar ajuda, para acolher o mais rápido possível a vítima. É crime, é preciso denunciar, não se omita caso ocorra qualquer tipo de abuso, seja físico ou emocional”.

Onde buscar ajuda?

No Tocantins, adolescentes e crianças que sofrem ou já sofreram diversas situações de violência, seja física, psicológica, sexual, como também negligência e maus tratos, podem ser acolhidos nos Serviços de Atenção Especializada à Criança em Situação de Violência (SAVI), que atende crianças de 0 a 14 anos e também no Serviço de Atenção Especializada às Pessoas em Situação de Violência Sexual (SAVIS) que acolhe as pessoas de todas as idades e sexo. Nos atendimentos, as vítimas são acolhidas com atendimento humanizado e especializado das equipes multidisciplinares, das áreas de serviço social, da psicologia, pediatria, ginecologia, farmácia, clínica geral e enfermagem.

Endereços

Hospital Geral de Palmas (HGP) – Serviço de Atenção Especializada à Criança em Situação de Violência (SAVI), 201 Sul – Av. Ns1, Conj. 02, Lote 02 – Plano Diretor Sul, Palmas – TO, CEP: 77015-202. Telefone: 3218-7874. Aberto todos os dias, 24 horas. Atende crianças de 0 a 14 anos, que sofrem ou já sofreram algum tipo de violência.

Hospital Maternidade Dona Regina Siqueira Campos (HMDR) – Serviço de Atenção às Pessoas em Situação de Violência Sexual (SAVIS).  Quadra 104 Norte, Rua NE 05 Lotes 31/41 – Plano Diretor Norte. CEP: 77006-020. (63) 3218-7786. Todos os dias, aberto 24 horas. Atende toda pessoa em situação de Violência Sexual (Independente do sexo e da idade).

Hospital Materno Infantil Tia Dedé (HMITD) – Serviço de Atenção à Pessoa em Situação de Violência Sexual (SAVIS), Porto Nacional, Rua Raquel de Carvalho, Nº 320, Centro. Telefone: (63) 3363-8325. Todos os dias, aberto 24 horas. Atende toda pessoa em situação de Violência Sexual (Independente do sexo e da idade).

Hospital Regional De Augustinópolis (HRAUG) – Serviço de Atenção à Pessoa em Situação de Violência Sexual (SAVIS), Endereço: Rua Amazonas, S/N – St. Central, Augustinópolis – TO, CEP: 77960-000. Telefone (63) 3456-1313. Aberto todos os dias, das 07hs às 19hs. Atende toda pessoa em situação de Violência Sexual (Independente do sexo e da idade).

Hospital Regional de Gurupi (HRG) – Serviço de Atenção Especializada às Pessoas em Situação de Violência Sexual (SAVIS). Endereço: R. Pres. Juscelino Kubitscheck, 1541 – St. Central, Gurupi – TO, CEP: 77405-110. Atende toda pessoa em situação de Violência Sexual (Independente do sexo e da idade). Aberto de segunda a sábado, das 07hs às 19hs.

(SECOM-TO)

-- Publicidade --

Comentários no Facebook