Por força de liminar vereadores de Augustinópolis retornam ao cargo

segunda-feira, 13 de janeiro de 2020 às 20:59
Câmara Municipal de Vereadores de Augustinópolis-Tocantins. – Foto: Juscelino Soares/ VB

AUGUSTINÓPOLIS – O juiz titular da Comarca de Augustinópolis, Dr Jefferson Azevedo Ramos, deferiu na tarde desta segunda-feira, 13, liminar Anulatório do processo 01/2019 que cassou os mandados vereadores augustinopolinos.

Ação anulatória possivelmente protocolada na manhã desta segunda-feira foi assinada pelos advogados Juvenal Klayber e Fábio Alcântara na qual fazem pedido de antecipação de tutela de urgência requerendo o imediato retorno dos eleitos nas eleições municipais de 2016, sendo  deferida pelo magistrado que determinou ainda multa de R$ 1.000,00 por dia de descumprimento da decisão.

Publicidade

SESSÃO

Está marcado para amanhã e sessão de processo de cassação do prefeito Júlio Oliveira, que se tinha como certo seu afastamento por suspeita improbidade administrativa conforme denúncia de Claudenor Pereira.

Com a decisão de hoje, resta saber se o presidente da Casa, vereador Cícero Moutinho manterá a sessão com o vereadores que retornam, que são claramente contrário ao processo de cassação.

Voltam

  • Maria Luisa de Jesus do Nascimento (PP)
  • Antônio Silva Feitosa (PTB)
  • Antônio Barbosa Sousa (SD)
  • Antônio José Queiroz dos Santos (PSB)
  • Edvan Neves Conceição (MDB)
  • Ozeas Gomes Teixeira (PR)
  • Francinildo Lopes Soares (PSDB)
  • Angela Maria Silva Araújo de Oliveira (PSDB)
  • Marcos Pereira de Alencar (PRB)
  • Wagner Mariano Uchôa Lima (MDB)
-- Publicidade --

Comentários no Facebook