Empresário Roni Teodoro doa lote para Associação Cultural Espora de Ouro

sábado, 2 de setembro de 2023 às 10:35
11.322 Visualizações

A Associação Cultural Espora de Ouro foi criada pelo Mestre Kiki Mandinga e tem como finalidade projetos sociais no âmbito cultural. – Fotos: Paulo Palmares/VB

AUGUSTINÓPOLIS – Luiz Henrique Meirelis Hatem, conhecido por muitos como Capoeira ou Mestre Kiki Mandinga no mundo dos iniciados, morador de Augustinópolis há 12 anos, é um verdadeiro promotor de cultura popular, em especial a capoeira, esporte afro-brasileiro que mistura arte marcial, dança e música. Há anos ele sonha com um local próprio para não só consolidar e promover suas atividades como para abrigar crianças, jovens e adultos que compõe se grupo, assim como outros que querem participar e ampliar o leque de opções culturais que possa oferecer gratuitamente para a comunidade augustinopolina.

Publicidade

Pois bem, como disse o velho Raul Seixas na música Prelúdio: “sonho que se sonha junto é realidade”, a realidade se materializou na tarde desta sexta-feira, 01, com a doação de um terreno para a Associação Cultural Espora de Ouro, no bairro Portal do Lago. A doação foi do feita pelo empresário Roni Teodoro em uma solenidade que contou com a presença de várias autoridades municipal e entidades de apoio social. “Me sinto muito feliz em contribuir com um projeto social que pode contribuir para a formação educacional e despertar talentos em muitos jovens de nossa cidade”.

Mestre Kiki Mandinga em seu discurso disse que usando a ferramenta de inúmeras variantes culturais buscará propiciar no local um ambiente onde as manifestações culturais sejam elos que possibilitarão pessoas, independente da idade, encarar ou desafiar a vida de outros prismas. “A gente sabe que a arte e os esportes são remédios que curam e transformam pessoas e esta será nossa missão, em especial com os jovens”, disse

A Associação Cultural Espora de Ouro foi criada pelo Mestre Kiki Mandinga e tem como finalidade projetos socias no âmbito cultural como a própria capoeira e também oferecer cursos e entretenimento de percussão afro, coco, ciranda, maracatu, samba-reggae, violão, dança, teatro e outras manifestações artísticas.

(Redação Voz do Bico)

-- Publicidade --

Comentários no Facebook