Estatísticas criminais do Tocantins no último trimestre são divulgadas pelas forças de segurança

quinta-feira, 29 de outubro de 2020 às 15:07
Fotos: Divulgação/SSP-TO.

TOCANTINS – O Balanço das Estatísticas Criminais referente ao terceiro trimestre de 2020 (julho-setembro) já está disponível no site da Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP-TO).

A divulgação acontece trimestralmente e o objetivo é dar transparência aos indicadores e ações das forças de segurança pública (Polícias Militar e Civil e Corpo de Bombeiros Militar).

Indicadores Gerais – Redução nos registros de CVLI

Publicidade

O balanço aponta redução no registro de crimes de diversas naturezas no Tocantins. Com relação aos crimes de homicídio, a queda no registro de casos foi de 6,3%. Foram 80 registros trimestre julho-agosto-setembro de 2019 e 75 casos no mesmo período deste ano. Redução também nos casos de Lesão Corporal Seguida de Morte, com três registros em 2019 e um em 2020. Já nos crimes de feminicídio, o trimestre de 2020 registrou um caso a mais que 2019, saindo de um registro para dois.

Nos crimes de Latrocínio (roubo seguido de morte) foram oito casos em 2019 e oito agora em 2020. No levantamento geral dos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs), a redução foi 6,5%, com 96 registros no terceiro trimestre de 2019 e 86 registros no mesmo período deste ano.

O trimestre julho-agosto-setembro 2019-2020 registrou queda de 20,15% nos Crimes Contra a Dignidade Sexual, que englobam Estupro e Estupro de Vulnerável. Foram 181 vítimas em 2019 contra 144 em 2020. Os estupros somaram 45 vítimas em 2019 contra 21 em 2020, redução de 53,3%. Já nos casos de estupro de vulnerável, a queda foi de 9,6% no número de vítimas, com 136 casos no terceiro trimestre de 2019 e 123 no mesmo período deste ano.

O balanço do terceiro trimestre de 2020 registrou também queda de 61,1% de Crimes Contra o Patrimônio (CCP). Foram 5.848 casos registrados em 2019 contra 2.278, no mesmo período de 2020. Os Roubos somaram 1.433 registros em 2019 contra 536 neste ano (redução de 62,6%). Os Furtos também tiveram redução de 60,5%. 4.415 casos no ano passado e 1.742 no presente ano.

Dados operacionais

No comparativo 2019/2020 dos dados das atividades operacionais do trimestre entre os meses de julho e setembro, apresentam os seguintes números:

– Combate a Incêndios: 1.271 ocorrências (2019) contra 1.403 (2020), aumento de 10,39%

– Atendimento Pré-Hospitalar: 1.965 ocorrências (2019) contra 1.620 (2020), redução de 17,56%

– Atividade Preventiva/Educativa: 491 ocorrências (2019) contra 254 (2020), queda de 48,27%

– Busca e Salvamento: 413 ocorrências (2019) contra 433 (2020), acréscimo de 4,84%

– Produtos Perigosos: 15 ocorrências (2019) contra 13 (2020), redução de 13,33%

– Total: 4.155 ocorrências em 2019 contra 3.723 em 2020, com uma redução geral nas ocorrências de 10,40%

A atividade mais impactada nesse período foi a do setor de prestação de serviço técnico de engenharia de proteção e segurança.  Houve uma queda considerável em razão da pandemia não ter permitido a continuidade do serviço presencial.

– Análises de Projetos: 513 ações (2019) contra 384 (2020), redução de 25,15%

– Vistorias em Edificações: 1.743 ações (2019) contra 1.420 (2020) queda 18,53%

– Certidão de Conformidade: 1.256 ações (2019) contra 1.009 (2020), redução de 19,67%

Total: 3.512 ações em 2019 contra 2.813 em 2020, perfazendo uma queda de 19,90%.

(SSP/TO – Adaptado)

-- Publicidade --