Estudantes saem às ruas de Augustinópolis no Dia Nacional de Enfrentamento ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes

quarta-feira, 18 de maio de 2022 às 15:42
133 Visualizações
A violência sexual contra crianças e adolescentes pode ser denunciado no disk 100 e 180. – Fotos: Paulo Palmares/VB

AUGUSTINÓPOLIS – Um importante e delicado tema ganhou destaque nas ruas de Augustinópolis nesta quarta-feira, 18 de maio. Hoje é o Dia Nacional de Enfrentamento ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, data que estimula a reflexão sobre o papel da sociedade civil no combate a esse tipo de crime.

Para chamar a atenção da sociedade para a questão estudantes do Colégio Militar Lá Salle e Escala Estadual de Tempo Integral Girassol Augustinópolis, professores e agentes da Polícia Civil, com apoio e coordenação de entidades municipais foram às ruas de Augustinópolis em passeata. “Precisamos o tempo todo estarmos atentos para esta questão, pais, parentes próximos, escolas, vizinhos e sociedade em geral”, disse ao portal Voz do Bico professor Alírio Sergio, titular da Secretaria de Trabalho Desenvolvimento Social e Habitação.

Publicidade

Presente também na caminhada a delegada Daniela Juliane Caldas, titular da segunda Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher e Vulneráveis disse ao portal que a região registra um “índice considerável de crimes de abuso sexual contra crianças e adolescentes”.

VEJA VÍDEO

ABUSO

A violência sexual contra crianças e adolescentes é um fenômeno complexo e de difícil enfrentamento, inserido num contexto histórico-social de violência endêmica e com profundas raízes culturais.

Foi apenas na década de 90, com a aprovação do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), que esses passaram no Brasil a ser juridicamente considerados sujeitos de direitos, e não mais menores incapazes, objetos de tutela, de obediência e de submissão.

O evento teve também apoio Prefeitura Municipal, , Creas, Conselho tutelar,  CRAS, Cadastro Único e Programa Criança Feliz, Secretaria de  Saúde – Secretaria de Educação e NASF.

(Redação Voz do Bico)

-- Publicidade --