Estudantes brasileiros querem aproximar o país do Vale do Silício

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2019 às 16:25
A Universidade De Stanford, na Califórnia, será palco da primeira edição da conferência Braile At Silicon Valley (Foto: Wikimedia Commons)

Alunos brasileiros da Universidade de Stanford (EUA) estão organizando a primeira conferência para discutir novas formas de estreitar relações entre o país e o Vale do Silício. A ideia da Brazil at Silicon Valley é criar conexões e trocas de experiência entre brasileiros e estrangeiros que trabalhem com ciência e inovação.

A primeira edição está programada para acontecer no próprio campus da universidade, nos dias 8 e 9 de abril. O evento contará com uma programação de debates sobre tecnologia aplicada às áreas de saúde, finanças, governo e educação. Na pauta de discussões, estão previstos temas como criptomoedas, blockchain, inteligência artificial e big data.

O time de palestrantes será formado por importantes nomes de empresas nacionais e internacionais. Entre os brasileiros estão David Velez, CEO da Nubank, Stelleo Tolda, do Mercado Livre, e Thomaz Srougi, fundador do Dr. Consulta. A lista de estrangeiros conta ainda com personalidades como Zac Bookman, CEO da plataforma OpenGov, e Doug Leone, sócio da Sequoia Capital, fundo de investimentos que já apostou nos primeiros passos de empresas como Google, Linkedin e Paypal.

“Nossa maior preocupação é que o evento não seja apenas um momento de inspiração, mas que consiga gerar resultados práticos no dia a dia e nas trajetórias dos participantes. Para isso, estamos planejando formas de preparar os convidados previamente, trabalhar o conteúdo da maneira mais prática e aplicável possível e manter o engajamento da comunidade criada para além dos dois dias da conferência”, explica Ana Paula Pereira, co-presidente do evento e aluna de Mestrado em Educação de Stanford.

Segundo divulgação feita pelas redes sociais do evento, a Brazil at Silicon Valley também será transmitida ao vivo pela internet. Mais detalhes ainda não foram anunciados.

(REVISTA GALILEU)

-- Publicidade --

Comentários no Facebook