Peggy Whitson, americana com mais tempo no espaço, volta à Terra

terça-feira, 5 de setembro de 2017 às 11:50
27 Visualizações
A astronauta Peggy Whitson, que bateu o recorde americano de tempo no espaço. Ela também é a astronauta americana com mais idade a ir ao espaço, a primeira mulher a comandar a Estação Espacial Internacional (ISS, na sigla em inglês) e a astronauta mulher com mais caminhadas espaciais. –
Foto: Divulgação/Nasa

A astronauta Peggy Whitson, da Nasa, retornou à Terra neste sábado após concluir uma missão de 288 dias no espaço. O período de quase um ano ajudou a bioquímica a conquistar o título de astronauta dos Estados Unidos com mais tempo acumulado fora do planeta, somando 655 dias em toda sua carreira. Whitson, de 57 anos, bateu outros recordes – é a astronauta americana com mais idade a ir ao espaço, a primeira mulher a comandar a Estação Espacial Internacional (ISS, na sigla em inglês) e a astronauta mulher com mais caminhadas espaciais, entre outros.

A missão mais recente da bioquímica na ISS começou em novembro de 2016. No total, durante o período em que esteve fora do nosso planeta, a astronauta percorreu 196,7 milhões de quilômetros e realizou 4.623 órbitas em volta da Terra. Em sua última missão, Whitson realizou experimentos com células-tronco humanas e amostras de sangue e cultivou couve-chinesa, segundo mostrou em sua página de Facebook.

Astronauta americana Peggy Whitson (Divulgação/Nasa/VEJA.com)
Publicidade

Estava previsto que Whitson e seus colegas tripulantes – Jack Fischer, também da Nasa, e Fyodor Yurchikhin, da agência espacial russa Roscosmos – aterrissassem no Cazaquistão à 1h22 de domingo, no horário local (22h22 de sábado em Brasília), a bordo de uma nave Soyuz MS-04.

Mais tempo no espaço

O recorde americano de mais tempo no espaço foi conquistado por Whitson em abril, quando a astronauta superou a marca do antigo dono do título, Jeffrey Williams, acumulando 534 dias, 2 horas e 49 minutos a bordo da ISS. Na ocasião, Whitson foi parabenizada pelo presidente americano Donald Trump e sua filha, Ivanka, que ligaram diretamente para a ISS para falar com a astronauta.

O atual recorde mundial de mais tempo no espaço é do russo Gennady Padalka, que passou 878 dias fora da Terra.

(VEJA)

-- Publicidade --