Paratletas do Tocantins se destacam em competição nacional em São Paulo

quinta-feira, 13 de junho de 2019 às 17:52
Os atletas tocantinenses participaram do mais importante evento paralímpico nacional de atletismo, halterofilismo e natação – Foto: Marcio Vieira / Governo do Tocantins

Nos dias 8 e 9 de junho, três paratletas do Tocantins participaram da primeira fase do Circuito Brasil Loterias Caixa de Atletismo em São Paulo, organizado pelo Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) e patrocinado pelas Loterias Caixa.

É o mais importante evento paralímpico nacional de atletismo, halterofilismo e natação, composto por quatro fases regionais e duas nacionais. O objetivo é desenvolver as práticas desportivas em todos os municípios e estados brasileiros, além de melhorar o nível técnico das modalidades e dar oportunidade para atletas de elite, e novos valores do esporte paralímpico do País.

Classificação

Ilquias Lopes – 2º colocado nos 200m;

Lorena Fonseca – 3ª colocada nos 200m;

Domingos Ferreira – 11º nos 400m.

 

Resultados

Os representantes do Tocantins no evento estiveram na Pista de Atletismo da Universidade Federal do Tocantins (UFT), na terça-feira (11) e comentaram sobre suas participações na competição em São Paulo.

Domingos Ferreira Sousa, Ilquias Lopes e Lorena Fonseca da Silva foram classificados entre os cinco melhores atletas do Brasil na competição que contou com 347 participantes de 24 estados.

O paratleta Ilquias Lopes foi destaque nos 100m e 200m, e ainda conseguiu sua melhor marca pessoal nos 400m. Na prova dos 100m, Ilquias ainda conquistou a 8ª melhor marca do mundo em 2019.

Conforme Soraia Tomaz, do Instituto Reviver, associação que leva cultura e esporte a crianças e jovens com algum tipo de deficiência, a conquista demonstra que vale a pena acreditar no potencial de cada um e incentivar a participação nas competições. “O Instituto Reviver apoia e promove a participação de pessoas com deficiência, que tenham a partir de 12 anos de idade, nas modalidades atletismo, bocha adaptada, basquetebol em cadeira de rodas, tênis e tênis de mesa”, destacou.

“Vale destacar que os três paratletas surgiram nos Parajets [Jogos Paradesportivos Estudantis] e representaram o Tocantins nas Paralimpíadas Escolares, reforçando a importância do desporto escolar paralímpico, onde equipes como Reviver, buscam talentos e os levam ao circuito profissional”, acrescentou Soraia Tomaz.

Domingos Fonseca Sousa Silva, velocista nos 100m rasos, é também recordista brasileiro em lançamento de dardos. Para ele, essa conquista depende de muita força de vontade. “Sei que devo treinar mais e seguir direitinho a orientação do treinador, pois, assim é possível melhorar ainda mais minhas posições nas competições”, comentou.

Ilquias Lopes espera alcançar mais resultados positivos com sua dedicação aos treinamentos. “Tenho treinado bastante, sei que devo treinar mais ainda e cuidar também de minha alimentação para poder alcançar melhores resultados”, destacou.

Lorena Fonseca conta que participar das competições é a realização de um sonho. “Eu tinha o sonho de ser paratleta, me sinto realizada em participar de um circuito profissional como esse de São Paulo”, disse.

O trabalho no Reviver é feito por voluntários. É o caso do Rafael Couto, que é fisioterapeuta. Ele fala da satisfação em poder contribuir com sua profissão. “Por trabalhar com pacientes na fisioterapia, percebi que há potencial nesse público para se desenvolverem como atletas paralímpicos. Resolvi entrar como voluntário no Instituto Reviver, e estou contribuindo com o instituto desde o ano de 2013”, ponderou.

Outra voluntária é Senélida Fonseca da Rocha, mãe da atleta Lorena Fonseca. Ela quase sempre acompanha as equipes para as competições. Segundo ela, o esporte mudou a vida da filha. “Vou para as competições juntamente com as equipes, com o maior prazer. Gosto do esporte porque foi com ele que a vida da Lorena mudou para melhor. Quando ela nasceu, o médico disse que talvez ela nunca iria andar nem falar. Aos 10 anos de idade ela começou a andar e falar”, finalizou.

 

-- Publicidade --

Comentários no Facebook