Prefeito Júlio Oliveira entrega escola para comunidade do Projeto de Assentamento Solidário

quinta-feira, 31 de maio de 2018 às 10:42
0

AUGUSTINÓPOLIS – O prefeito de Augustinópolis, Júlio Oliveira (PRB), inaugurou mais uma escola municipal, registrando mais um importante passo no que ele considera ser um teor de transformação social, que é a educação de qualidade, principalmente, nos anos iniciais.

A inauguração da Escola Municipal Solidária ocorreu na tarde desta quarta-feira (30), no Projeto de Assentamento Solidário. A unidade escolar foi construída com recursos do Governo Federal e possui capacidade para 120 alunos no período diurno e 60 noturno.

EDUCAÇÃO DE QUALIDADE

“Uma das prioridades da minha administração é a qualidade na educação, e eu estou me sentindo realizado em poder entregar mais uma escola para a comunidade. Quando investimos na educação, estamos oferecendo a oportunidade de nossas crianças poderem vencer na vida”, disse o prefeito Júlio Oliveira.

A secretária de Educação, Renata Pereira, destacou ser uma honra está vendo a escola construída e entregue para a comunidade, ciente que os professores e os moradores do local tinham este sonho de uma escola nova para seus filhos, oferecendo conforto e espaço adequado pra aprendizagem.

“Estamos vendo esta realização, que para muitos era um sonho distante, agora é uma realidade. Esta escola será climatizada para a melhoria das aulas e conforto dos alunos e professores, sei o quanto essa escola vai ser importante na formação dessas crianças. Só a educação é capaz de transformar”, frisou a secretaria.

PRESENÇA

Estiveram presentes no evento a diretora da escola, Maria Cleudilene da Silva, a moradora do P.A Solidário e professora aposentada Francisca Gonçalves, o sargento da Polícia Militar Edemilson Dias, representando o capitão Rodinele Martins, e a primeira-dama do município, Elizonete Silva.

Também participaram da inauguração os vereadores Vagno Mariano (PMDB), Ângela do Rapadura (PSDB), Antônio Barbosa (SD), Ozéas (PR), Nildo Lopes (PSDB) e Luizinha (PP), secretários municipais, diretores das unidades escolares municipais e estaduais, coordenadores, representantes religiosos, professores, pais e comunidade em geral.

HISTÓRIA

A Escola Municipal Solidária era em uma casa de taipa, onde os alunos não tinham conforto adequado para assistir aula. Posteriormente a unidade escolar mudou para uma casa de alvenaria, mas ainda sem a devida adequações para funcionar como escola. Na gestação passada foi iniciada a construção da escola, que só foi concluída totalmente na gestão do atual prefeito Júlio Oliveira.

-- Publicidade --
-- Publicidade --

Comentários no Facebook