Maio Amarelo: SES-TO destaca os impactos dos acidentes de trânsito no SUS

quarta-feira, 1 de maio de 2024 às 11:39
410 Visualizações
Dados do SIM mostram que de janeiro a dezembro de 2023, 546 pessoas morreram vítimas de acidentes de trânsito no Tocantins. – Foto: Reprodução

TOCANTINS – Como parceria da Campanha Maio Amarelo, lançada pelo Governo do Tocantins, na terça-feira, 30, a Secretaria de Estado da Saúde (SES-TO) faz um alerta à população sobre os impactos dos sinistros de trânsito, no atendimento das unidades hospitalares sob sua gestão. Responsável por grande parte dos atendimentos em ortopedia, os acidentes de trânsito são um dos principais agravos de saúde dentro do Sistema Único de Saúde (SUS) tocantinense.

Dados do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (SINAN) apontam que em 2023, o Tocantins registrou mais de quatro mil notificações de vítimas de acidentes de trânsito, com internação superior a 24 horas. O custo de paciente vítima de acidente de trânsito é alto para o SUS.

Publicidade

De acordo com os relatórios do setor de custos da SES-TO, em média, as despesas com uma pessoa que apresenta várias fraturas, maioria dos acidentados de trânsito, ficam em torno de R$ 1.273,00 por dia de internação normal. Já na média e alta complexidade, como Unidade de Terapia Intensiva (UTI) chega a quase R$ 3.000,00 de gasto diário. Em geral, pacientes politraumatizados têm um longo período de internação.

O Secretário de Estado da Saúde, Carlos Felinto, destacou que o agravo é um dos principais desafios enfrentados pela saúde pública, ressaltando os impactos socioemocionais que os acidentes causam. “Os acidentes de trânsito são onerosos, pois os custos para o sistema não se resume somente à internação, mas também ao atendimento pré-hospitalar e a reabilitação da vítima. Isso impacta diretamente na vida das pessoas. Além das centenas de tocantinenses que perderam suas vidas no ano passado, ele afeta toda uma família e traz consequências socioemocionais que são para toda vida”.

Óbitos

Quantos aos óbitos, dados do Sistema de Informação de Mortalidade (SIM), mostram que de janeiro a dezembro de 2023, 546 pessoas morreram vítimas de acidentes de trânsito no Tocantins. Em 2024, já foram 128 óbitos.

Campanha Maio Amarelo

Maio Amarelo é um movimento internacional de conscientização para redução de acidentes de trânsito. No Brasil, a campanha, criada pelo Observatório Nacional de Segurança Viária, tem como objetivo sensibilizar a sociedade para a importância da adoção de comportamentos mais seguros no trânsito.

Na manhã de terça-feira, 30, o Governo do Tocantins realizou no Auditório do Palácio do Araguaia a abertura oficial da ‘Campanha Estadual Maio Amarelo 202’, com o slogan Paz no Trânsito Começa por Você. O evento promovido pelo Departamento Estadual de Trânsito do Tocantins (DETRAN-TO) reuniu os órgãos parceiros, SES-TO, a Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP), a Secretaria de Estado da Educação (SEDUC-TO), a Agência de Transportes, Obras e Infraestrutura (AGETO), a Polícia Rodoviária Federal, (PRF) a Polícia Militar do Tocantins (PM-TO) e o Corpo de Bombeiros Militar (CBM-TO).

(SECOM-TO)

-- Publicidade --

Comentários no Facebook