No Dia Internacional da Enfermagem, SES-TO destaca a importância dos profissionais

segunda-feira, 13 de maio de 2024 às 15:41
459 Visualizações
Uma homenagem da SES aos auxiliares, técnicos de enfermagem e enfermeiros. – Foto: Luciana Barros/Governo Tocantins

TOCANTINS – “Eu sempre admirei a enfermagem, escolhi por isso e sou muito feliz na minha profissão. A enfermagem significa cuidar e ter a sensibilidade de entender o paciente e o acompanhante, no momento delicado de saúde. A melhor recompensa para nós profissionais é quando podemos ver a recuperação do paciente e ele poder  voltar bem para o seu lar. Quando recebo retorno do meu trabalho, meu coração fica repleto de gratidão”. A declaração é da enfermeira Jéssica Nascimento, que atua na assistência dentro do Hospital Geral de Palmas (HGP), uma das centenas de pessoas que que escolheram a enfermagem, para cuidar das pessoas e atuam nas unidades geridas pela Secretaria de Estado da Saúde (SES-TO).

A dedicação que a profissional demonstra na maior unidade de saúde do Tocantins, é seguida por milhares de outros auxiliares, técnicos e enfermeiros que fazem a diferença todos os dias, aos Usuários do Sistema Único de Saúde (SUS). “Destacamos a importância dos profissionais não só no Dia Internacional da Enfermagem, celebrado em todo 12 de maio, mas em todos os dias, pois são essenciais na assistência dentro de nossas unidades. Por isso, o Governo do Tocantins tem valorizado o trabalho das equipes, com pagamento de insalubridade e adicional noturno inclusive aos que trabalham em regime de contrato, bem como com o repasse em dia dos recursos do piso, encaminhados pelo Ministério da Saúde”, afirmou o secretário de Estado da Saúde, Carlos Felinto.

Publicidade

“A atuação da enfermagem vai além da assistência, pois desempenhamos papéis fundamentais também em outras frentes, às vezes com foco na pesquisa ou em serviços que não lida diretamente com o cuidado, mas sempre com o mesmo objetivo que é salvar vidas. Atualmente eu trabalho na Central Estadual de Transplante e minha formação faz toda a diferença nos processos de trabalho do serviço de captação”, afirmou a enfermeira da Central Estadual de Transplantes (CETTO), Marília Ribeiro.

Atuação

Os profissionais de enfermagem atuam em diversos setores dentro e fora do âmbito hospitalar, como Unidade de Terapia Intensiva (UTI), Ambulatório de Especialidades, internação, pronto socorro, Unidade de Alta Complexidade em Oncologia (Unacon), Programa Melhor em Casa –  Serviço de Atenção Domiciliar (SAD), assistência no parto, banco de leite, hemocentros, serviços de transplantes, entre outros.

(SECOM-TO)

-- Publicidade --

Comentários no Facebook