Sinopse do livro Do “Centu do Ogustu” a Augustinópolis

quarta-feira, 8 de maio de 2024 às 09:54
1.175 Visualizações

Sinopse do livro Do “Centu do Ogustu” a Augustinópolis, autor, Valdo Rosário, publicado em 2024 pela editora Kelps de Goiânia/GO.

Publicidade

*Por Valdo Rosário Sousa

Você, a partir de agora, tem em suas mãos a obra historiográfica mais completa da criação do nosso município – Augustinópolis. Resultado de um trabalho de pesquisa magistral do professor e mestre em filosofia Valdo Rosário, Do “Centu do Ogustu” a Augustinópolis (Uma história Contada e Ouvida Por Você) é, na sua essência, uma obra que abrange as áreas do conhecimento hodierno, no que diz respeito à história de nossa micro região, Bico do Papagaio.

O professor Valdo Rosário percorreu os mais longínquos rincões do Estado em busca de fontes históricas fidedignas referente as origens de Augustinópolis, além de histórico, também reúne humor, estórias não contadas, diversão, tudo isso numa linguagem acadêmica, mas, que mantém e interagem com a linguagem coloquial, o que facilita, sobremaneira, a sua leitura, ficando assim acessível a todos que se dispuserem a adentrar ao seu conteúdo.

O referido livro trata das origens da cidade de Augustinópolis, do período de 1953 a 2023. Portanto, cerca de 70 anos de uma rica história. Em determinados momentos, os escritos se confundem com a própria vida do autor, conforme abordagem dos primeiros capítulos: “a minha história se entrelaça com a Augustinópolis”.

O livro assemelha-se a uma espécie de “compêndio histórico” sobre episódios ocorridos no chão Do “Centu do Ogustu” a Augustinópolis. Para melhor descrever sua maneira didático-pedagógica, o professor Valdo Rosário trata a sua obra como se estivesse dentro de uma sala de aula, onde os alunos ávidos por conhecimentos vão haurindo e descortinando saberes ocorridos em cada ano, nas esferas: mundial, nacional, estadual e local. É claro que muitos contextos citados servem como pretextos que descortinam novas situações e vice-versa.

O conteúdo do livro abrange as seguintes áreas do conhecimento humano: história, ciências política, geografia e literatura tocantinense. Pelos temas abordados, a obra possui em suas entrelinhas, um ineditismo sem precedentes, algo que contribuirá sobremaneira para o enaltecimento, compreensão e valorização da região do Bico do Papagaio. O autor em sua pesquisa retorna a linhagem das primeiras famílias do lugar com suas genealogias. Ele catalogou os primeiros empreendimentos e seus percursores, tais como: cemitérios (“cemitério que foi loteado e vendido os lotes”), comércios, campo de futebol e os primeiros times, farmácias, hotéis, cubes e danceterias, bares e cabarés, escolas e faculdades, meios de comunicação, capela etc.

O livro aborda os acontecimentos que envolveram Velha e a Nova República. Narra, por conseguinte, os detalhes da Guerrilha do Araguaia. Na sequência dos fatos, aprofunda sobre o processo democrático que traz, em seu bojo, a criação do Estado do Tocantins e a emancipação de Augustinópolis. O autor descreve sobre o martírio do Padre Josimo Morais e a violência no campo à época; descreve sobre a criação das instituições públicas no município. São estas e outras informações que o autor descreve nesta obra.

Licenciado em filosofia pela PUC/GO, mestre em filosofia pela UFT/TO, professor de filosofia na Escola Estadual Ensino Médio Elza Maria C. Dantas, São Domingos do Araguaia/PA. Publicou os seguintes livros: Philos-Poesia (ed. Folheando de Belém/PA, 2020), Amor e Razão Vol. 1, 2022 (ed. Viseu de Maringá/PR.), Amor e Razão Vol. II, 2024 (ed. Viseu de Maringá/PR.), é membro correspondente da ALERPRE (Academia de Letras de Rondon do Pará e Região), membro fundador e presidente da ALABIP (Academia de Letras e Artes do Bico do Papagaio).

-- Publicidade --

Comentários no Facebook