Ferrovia entre Balsas e Porto Franco está na lista de obras aprovadas pelo governo

segunda-feira, 28 de fevereiro de 2022 às 16:28
44 Visualizações
Foto: Divulgação

O Governo Federal considera o programa Pro Trilhos como uma das conquistas mais importantes para a economia do Brasil. A Medida Provisória nº 1.065/21 autoriza o setor ferroviário à livre iniciativa no mercado. Assim, a iniciativa privada se sente atraída para realizar investimentos em ferrovias, gerando empregos diretos.

Na ultima segunda-feira (21), o presidente da República Jair Bolsonaro usou as redes sociais para divulgar a lista das 27 ferrovias e as respectivas empresas que já estão com contratos autorizados pelo Ministério da Infraestrutura através do programa Pro Trilhos. O ramal ferroviário de 230 km entre Balsas e Porto Franco está na lista dos projetos aprovados pelo governo federal.

Publicidade

Ainda segundo o Governo Federal, as projeção dos recursos privados a serem alocados na implantação das ferrovias somam R$ 133,24 bilhões. Assim que prontas, esses empreendimentos devem agregar cerca de 10 mil quilômetros de novos trilhos à malha ferroviária brasileira.

Além dos empregos diretos, a expectativa é que as novas malhas ferroviárias permitidas pelo Pro Trilhos favoreçam demais setores da economia ao impulsionar toda uma cadeia logística de distribuição de produtos, principalmente do agronegócio, desafogando as rodovias e barateando os fretes.

Confira a lista detalhada com as respectivas empresas autorizadas pelo Governo Federal através do programa Pro Trilhos:

  1. Bracell: Lençóis Paulistas/SP, com 4,29 km
  2. Bracell: Lençóis Paulistas/SP a Pederneiras/SP, com 19,5 km
  3. Ferroeste: Cascavel/PR a Chapecó/SC: 286 km
  4. Ferroeste: Maracaju/MS a Dourados/MS: 76 km
  5. Ferroeste: Cascavel/PR a Foz do Iguaçu/PR: 166 km
  6. Grão Pará: Alcântara/MA a Açailândia/MA: 520 km
  7. Macro Desenvolvimento Ltda: Presidente Kennedy/ES a Sete Lagoas/MG: 610 km
  8. Petrocity: Barra de São Francisco/ES a Brasilie/DF: 1.108 km de extensão
  9. Planalto Piaui Participações: Suape/PE a Curral Novo/PI: 717 km de extensão
  10. Brazil Iron Mineração: Abaira BA a Brumado/BA: 120 km11
  11. Eldorado Brasil Celulose S.A: Três Lagoas/MS a Aparecida do Taboado/MS: 88,9 km
  12. Fazenda Campo Grande Empreendimentos e Participações Ltda: Santo André/SP: 7 km
  13. Ferroeste: Guarapuava/PR a Paranaguá/PR: 405,2 km14.
  14. Macro Desenvolvimento Ltda: Sete Lagoas/MG a Anápolis/GO: 716 km
  15. Minerva Participações e Investimentos S.A: Açailândia/MA a Barcarena/PA, 571,3 km
  16. Petrocity Ferrovias Ltda: São Mateus/ES a Ipatinga/MG: 410 km
  17. Rumo S.A: Água Boa/MT a Lucas do Rio Verde/MT: 508 km
  18. Rumo S.A: Uberlandia/MG a Chaveslândia (Santa Vitória/MG): 276,5 km
  19. VLI Multimodal S.A: Água Boa/MT a Lucas do Rio Verde/MT: 508 km
  20. VLI Multimodal S.A: Uberlândia/MG e Chaveslândia (Santa Vitoria/MG): 276,5 km
  21. VLI Multimodal S.A: Porto Franco/MA a Balsas/MA: 230 km
  22. Porto do Açu Operações S.A: São João da Barra/RJ: 41,17 km-5 NOVAS AUTORIZAÇÕES
  23. 3G Empreendimentos e Consultoria Ltda: Barcarena/PA a Santana do Araguaia/PA, com conexão entre Rondon do Para/PA e Açailândia/MA, com 1.370 km
  24. Morro do Pilar Minerais S.A: Colatina/ES a Linhares/ES: 100 km
  25. Petrocity Ferrovias Ltda: Unai/MG a Campos Verdes/GO: 530 km
  26. Rumo S.A: Bom Jesus do Araguaia/MT a Água Boa/MT: 249,2 km
  27. VLI Multimodal S.A: Perequê (Cubatão/SP) e Tiplan (Santos/SP): 8 km

 

(DIÁRIO DE BALSAS)

-- Publicidade --