Operação Cidadania emite mil Carteiras de Identidade em Marabá

quarta-feira, 4 de maio de 2022 às 08:12
63 Visualizações
Foto: Divulgação

Como desdobramento da inauguração da Unidade Integrada de Segurança Pública (UISP/Núcleo São Félix), no município de Marabá, sudeste do estado, a Polícia Civil promoverá por toda esta semana, até sexta-feira (6), a partir das 9 horas, a Operação Cidadania. Um mutirão para a emissão de 1.000 cédulas de identidade, na UISP, no bairro São Félix.

“O mutirão visa a atender de forma prioritária a população do Núcleo São Félix e de Morada Nova. A recomendação é que a pessoa traga certidão de nascimento/casamento, ou outro documento que tiver e ainda duas fotos 3X4. Além de chegar mais cedo para a distribuição de senhas”, informou o superintendente regional de Polícia Civil, no sudeste do Pará, delegado Vinícius Cardoso das Neves.

Foto: Divulgação
Publicidade

O papiloscopista da Polícia Civil, Robson da Silva Cardoso, ressaltou que a identidade é o primeiro documento que dá cidadania para as pessoas, para, por exemplo, frequentar a escola, abrir contas em bancos etc. “Sem a identidade, o cidadão não consegue fazer nada na vida civil dele”, enfatizou, acrescentando que a ação deve ajudar de forma imediata a comunidade do bairro São Félix.

REPERCUSSÃO

Foto: Divulgação

Moradora do bairro de São Félix Pioneiro, a doméstica, Maria José Barreira Moraes, de 58 anos, procurou a Operação Cidadania para a troca de RG, pois o anterior já estava vencido. “Ações como essa são boas, porque existe muita demanda para emitir os documentos. Não precisei pegar ônibus longe, esse mutirão facilita e economiza meu dinheiro e tempo”, disse ela.

Foto: Divulgação

Elizabeth Carneiro da Silva, de 44 anos, mora no Residencial Tocantins e perdeu a identidade na última semana. “Aproveitei a oportunidade, porque faz dias que estou sem identidade e é bem pertinho da minha casa esse mutirão. Fiquei sabendo por uma tia que iria ter essa ação no bairro. Foi muito boa essa iniciativa”, elogiou.

A cozinheira, Ildejane Almeida Conceição, 26 anos, também moradora do Bairro São Félix estava tirando a segunda via da carteira de identidade. “Acordei cedo para vir para cá. Eu achei muito bom esse serviço, porque eu teria de fazer uma viagem, o agendamento estava para 2024 na internet, mas minha necessidade é urgente. Então, resolveu meu problema”, comemorou. O mutirão tem o apoio logístico da Prefeitura de Marabá.

(AGÊNCIA PARÁ – Governo do Pará (SECOM))

-- Publicidade --