PF resgata 20 trabalhadores em condição análoga à escravidão em garimpos ilegais no Pará

sexta-feira, 6 de agosto de 2021 às 16:21
Polícia Federal fecha dois garimpos ilegais no município de Cumaru do Norte, sul do Pará.
Polícia Federal fecha dois garimpos ilegais no município de Cumaru do Norte, sul do Pará — Foto: Divulgação/Polícia Federal

A Polícia Federal realizou, nesta quinta-feira (5), o resgate de 20 trabalhadores que encontravam-se submetidos a condições degradantes de trabalho em garimpos ilegais no município de Cumaru do Norte, sul do Pará. Durante a operação, uma pessoa foi presa em flagrante e equipamentos foram apreendidos.

De acordo com a PF, a operação ‘Cachoeirinha’, trabalho em conjunto com o Ministério Público do Trabalho, identificaram e fiscalizaram dois garimpos ilegais na região sul do estado. Os locais estavam em pleno funcionamento para a extração de ouro.

Publicidade

Ao todo, foram apreendidas quatro escavadeiras hidráulicas, sete motores bombas, um caminhão, um carro de passeio, uma espingarda, um revólver, munições de vários calibres, três motosserras e instrumentos usados na atividade mineraria ilegal.

PF resgata 20 trabalhadores em condição análoga à escravidão em garimpos ilegais em Cumaru, no Pará
PF resgata 20 trabalhadores em condição análoga à escravidão em garimpos ilegais em Cumaru, no Pará — Foto: Divulgação/Polícia Federal

Os responsáveis pelo locais serão autuados pelos crimes de trabalho análoga à escravidão, usurpação de bens da União e crimes ambientais como poluição de leitos dos rios e danos a fauna e a flora do local.

(G1 PARÁ)

-- Publicidade --