Pedreiro de São Sebastião esfaqueado por lavrador morre em Araguaína

terça-feira, 2 de maio de 2017 às 15:26
180 Visualizações
Ney morreu em consequência de três facadas

Não resistindo aos ferimentos sofrido  morreu em Araguaína e foi sepultado na manhã desta segunda-feira, dia 1º, o pedreiro Cladeney Gomes de Sousa, conhecido na comunidade como Ney, de 36, anos. Ele estava internado em Araguaína desde o dia 19, para onde foi levado às pressa após ser ferido com três facadas. O suspeito é o lavrador Lucas da Silva Lima, o Luquina, de aproximadamente 19 anos, que está sendo procurado pela polícia desde o dia do ato criminoso pelo qual é acusado. O pedreiro faleceu no domingo, dia 30, às 4h da manhã.

Luquinha, foragido, seria o autor das facadas

Conforme informações levantada pelo Voz do Bico, Ney teria sido cobrado por uma divida momentos antes, respondeu de forma que Luinha achou ofensivo; depois disto Ney tomou uns goles a mais dormiu em uma cadeira e Luquinha teria aproveitado do momento e desferiu várias facadas no corpo da  vítima. Logo em seguida ele fugiu em seguida e até o momento não foi encontrado.

-- Publicidade --

Comentários no Facebook