José Omar é o candidato mais votado em eleição para Procurador-Geral de Justiça do Tocantins

terça-feira, 30 de outubro de 2018 às 11:47
33 Visualizações
Da esquerda para direita, Alcir Raineri, José Omar e José Demóstenes. Foto: Ronaldo Mitt / MPE

PALMAS – Com 78 votos, José Omar de Almeida Júnior foi o membro mais votado na lista tríplice destinada à escolha do Procurador-Geral de Justiça (PGJ) que conduzirá o Ministério Público Estadual no biênio 2019/2020. Na segunda colocação, ficou o Procurador de Justiça José Demóstenes de Abreu, com 66 votos, e em terceiro, o Procurador de Justiça Alcir Raineri Filho, com 51 votos. A eleição aconteceu nesta segunda-feira (29), por meio de votação eletrônica.

A lista tríplice com os nomes dos procuradores de Justiça será entregue nesta terça-feira (30) ao governador Mauro Carlesse, a quem cabe fazer a escolha entre os três nomes apresentados. O prazo para que proceda à nomeação é de até 15 dias. Após a divulgação do resultado, os concorrentes agradeceram os votos recebidos. O candidato escolhido toma posse em sessão solene realizada pelo Colégio de Procuradores de Justiça no dia 14 de dezembro.

Publicidade

José Omar, que atualmente ocupa o cargo de PGJ, ressaltou que os três nomes são dignos de assumir o cargo. “Qualquer que seja a escolha do governador será bem-aceita e mais do que aceitar, estarei ao lado para trabalhar e ajudar a elevar o nome da Instituição”, declarou.

O segundo colocado, José Demóstenes, fez referência à qualificação dos concorrentes. “A tônica é defender efetivamente o nome do mais votado. Acredito que seja natural que o governador obedeça à vontade da classe, mas se eventualmente escolher outro colega, nós estaremos juntos”.

Na mesma linha, o procurador de Justiça Alcir Raineri destacou a importância da sintonia entre os membros. “Esse resultado deve unificar a instituição. O debate vai acontecer como sempre foi, pois convivemos bem com as diferentes ideias, de forma fraterna e democrática”, disse. (Divulgação / Ascom MPE)

-- Publicidade --