Mais de 117 mil processos foram julgados no Tocantins

sexta-feira, 2 de fevereiro de 2018 às 15:50
16 Visualizações
Divulgação

TOCANTINS – De janeiro a dezembro do ano passado, mais de 117 mil processos de conhecimento foram julgados no Tocantins, superando a Meta 1 do Conselho Nacional de Justiça. E o balanço ainda é mais positivo quando se leva em consideração o número de novos processos distribuídos. A demanda aumentou em 12% no último ano, com 116.960 novas ações em 2017.

“Esses dados demonstram que nossa iniciativa por meio do Pacto pela Produtividade foi bem aceita e, sobretudo, colocada em prática. É desse modo que o Judiciário tocantinense retorna o investimento feito em nós pela sociedade, permitindo a entrega de uma Justiça mais rápida e eficaz ao cidadão”, afirmou o presidente do Tribunal de Justiça do Tocantins, desembargador Eurípedes Lamounier.

Publicidade

O balanço foi apresentado durante a abertura do 30º ano judiciário no Estado, que começou nessa quinta-feira (1º). Além disso, magistrados e unidades da Justiça com os melhores resultados em 2017 foram reconhecidos com o Selo Pacto pela Produtividade.

Ainda segundo o presidente, os resultados positivos são frutos do esforço conjunto de magistrados e servidores, além de melhorias em áreas de infraestrutura, tecnologia e gestão. Lamounier também destacou os investimentos na renovação e ampliação da infraestrutura física do Poder Judiciário. Ao todo, 13 obras foram concluídas, entre reformas e ampliações de fóruns, tribunais do Júri e adequações no prédio do Tribunal de Justiça. Outras 27 obras estão em andamento ou previstas para 2018.

Também foram feitas melhorias no Sistema de Processo Eletrônico (e-Proc/TJTO). Em 2017 foram implantadas mais de 60 novas funcionalidades na ferramenta para aprimoramento da prestação jurisdicional. “Investimentos e evolução constantes, que elevaram a área de Tecnologia da Informação em nove posições no ranking do Conselho Nacional de Justiça”, salientou o presidente. (Redação Voz do Bico, com informações da Assessoria)

-- Publicidade --