Projeto Academia Itinerante da Polícia Civil é encerrado em Araguatins

sábado, 20 de novembro de 2021 às 12:28

ARAGUATINS – Com o objetivo de qualificar e promover a formação continuada dos profissionais da Polícia Civil do Tocantins, a Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSPTO), por meio da Escola Superior de Polícia (Espol/TO), finalizou mais uma etapa da Academia Itinerante 2021. Nesta edição, com início na última quarta-feira, 17, o projeto atendeu a regional de Araguatins, com 65 alunos integrantes da Polícia Civil (PCTO), Polícia Militar (PMTO) e Corpo de Bombeiros (CBMTO).

O encerramento, nesta sexta-feira, 19, no auditório do Instituto Federal do Tocantins (IFTO), Campus de Araguatins, contou com a presença do secretário de Estado da Segurança Pública, Wlademir Costa, acompanhado de diversas autoridades. Na solenidade, ele reforçou que é prioridade do Governo do Tocantins a capacitação, valorização e direitos dos servidores da Polícia Civil. “Além da Academia Itinerante, pretendemos entrar com cursos de pós-graduação e doutorado. Com o aperfeiçoamento intelectual e operacional dos profissionais, quem ganha é o cidadão com qualidade e melhoria dos serviços na área da segurança pública”, ressaltou.

Publicidade

Durante toda essa semana, os alunos tiveram acesso às aulas teóricas e práticas, com o curso de instrução de tiro prático e conteúdos relacionados à atividade policial, totalizando 80 horas. “Atualizamos técnicas que visam corrigir base e empunhadura de tiro em movimento, com ameaça à retaguarda, recargas táticas e de combate, abordagem veicular e diversas técnicas que fortalece a proteção e torna mais eficiente os nossos policiais”, pontuou o instrutor e coordenador de operações do Grupo de Operações Táticas Especiais (GOTE), Ariston Ribeiro.

A superintendente de Segurança Integrada da SSPTO, Fatima Holanda, enfatizou a importância da integração com formação continuada. Vale destacar que o projeto Academia Itinerante promove integração entre as forças de segurança do nosso estado, fortalecendo laços de união dos policiais por meio do ensino, além da importância do conhecimento”, destaca.

(ASCOM SSP-TO)

-- Publicidade --