Do que os jovens augustinopolinos precisam – Entrevista com Monteiro Psicólogo

quinta-feira, 29 de outubro de 2020 às 18:05
Monteiro Psicólogo. Foto: Divulgação.

AUGUSTINÓPOLIS – O candidato a vereador Antonio Monteiro da Silva, conhecido como Monteiro Psicólogo (PP), tem 35 anos e é o entrevistado desta quinta-feira. Ele falou um pouco sobre seus planos para Augustinópolis e sobre as dificuldades dos jovens do município.

Voz do Bico – Na sua opinião, do que Augustinópolis mais precisa para atender à comunidade jovem?

Publicidade

Monteiro Psicólogo – É perceptível que os jovens ficam muito soltos, ansiosos por não ter nenhuma área específica para momentos de lazer, então eles acabam buscando isso em momentos festivos, especialmente na bebida ou na droga. O ideal, na minha visão como candidato a vereador, é construir um espaço com diversas modalidades de esporte para incentivar os jovens a essa prática, tirando eles do meio ocioso. E também é necessário buscar melhorias com relação a trabalho, dar emprego para que esses jovens possam se manter, ajudar suas famílias e ter uma vida digna.

VB – Qual é o papel do vereador?

Fiscalizar os recursos alocados na prefeitura e dar apoio à gestão, tanto com a criação de projetos que tragam benefícios para a cidade como também criar leis que garantam os direitos dos cidadãos. Uma coisa rara de se ver, que o vereador pode fazer, é ir a Brasília e até o governo do estado para buscar recursos para aprimorar esses projetos que ele vem desenvolvendo dentro da comunidade.

VB – Sendo eleito, qual seria sua principal proposta para o município, ou com qual área você mais se identifica?

Um dos principais projetos que eu tenho em mente é regularizar os lotes dos bairros que foram criados por meio de invasão, trazendo a titularidade a esses moradores, para que eles possam ter seus direitos enquanto cidadãos. A gente sabe que o título de uma propriedade faz muita diferença até mesmo nos negócios que uma pessoa vai fazer. E como eu sou filho de lavrador, já morei em assentamento, sei qual é a realidade dessas pessoas. Também pretendo lutar pela melhoria das nossas estradas vicinais, facilitando o escoamento dos alimentos produzidos na zona rural.

Outro projeto que tenho é buscar recursos para tirar as construções de casas de taipa e fazer casas populares, que não estão sendo feitas já tem um bom tempo.

VB – Qual é sua visão sobre o candidato a prefeito do seu grupo político, Júlio Oliveira?

Na minha percepção, é a melhor opção que nós temos devido ao trabalho que tem feito, até porque ele, como gestor, foi a pessoa que mais contribuiu com o desenvolvimento da nossa cidade. Isso é inegável. Não desmerecendo os demais candidatos nem os gestores que já passaram por Augustinópolis, mas o Júlio tem alavancado a cidade de uma forma inigualável, construindo, investindo… Hoje andamos por ruas que não tinham uma perspectiva e vemos a diferença. Acredito que ele vai fazer muito mais ainda. Claro que não pôde fazer tudo o que estava previsto, mas foi feito grande parte. Precisamos de alguém que tem compromisso com nossa cidade e nossa sociedade em geral.

VB – Por que você deseja ser vereador? (Vídeo)

(Voz do Bico)

Veja também: Augustinópolis sob a visão dos candidatos mais jovens – Entrevista com Adrielly Pellegrini.

O que os candidatos mais jovens desejam para Augustinópolis – Entrevista com Ianca Castro.

Entrevista com Francisco Rolinda, o candidato mais jovem do grupo petista augustinopolino.

-- Publicidade --